A atriz Giovanna Antonelli ganhou na justiça o direito de receber R$ 20 mil de indenização de uma empresa de medicamentos que usava de modo indevido e sem autorização a imagem da atriz em diversas propagandas.

A decisão foi dada pela 1ª Vara Cível, do Rio de Janeiro na Barra da Tijuca e ainda cabe recurso. A empresa foi condenada a indenizar a atriz em R$ 20 mil por danos morais, além do pagamento de indenização por danos materiais, referente ao uso indevido de imagem, cobrando também o cache que Giovanna deveria receber casso tivesse fechado o contrato com a marca.

De acordo com advogada da atriz, desde o meio do ano de 2017, a empresa vinha fazendo uso da imagem da atriz em meios de comunicações, como jornais, revistas e sites, alegando que ela havia feito uso de um medicamento desconhecido pela atriz, para emagrecer apos sua gravidez.

Mariana Zonenschein disse ainda no processo que sua cliente nunca nem ouviu sequer o nome do medicamento. Finalizando a advogada diz que não se pode associar a imagem de pessoa conhecida com a de um medicamento a tal modo para induzir o consumidor.